podcast do isaúde brasil

Publicada em 07/07/2020 às 07h03. Atualizada em 07/07/2020 às 07h10

Conjuntivite pode estar associada ao novo coronavírus?

Apenas o teste pode confirmar. Saiba mais.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

A conjuntivite é a inflamação da conjuntiva, membrana transparente que reveste a área branca dos olhos. Ela pode ser aguda ou crônica, com quadro sintomática de uma a duas semanas. Sensação de areia ou de cisco nos olhos, olhos vermelhos, secreção (remela) purulenta ou esbranquiçada, lacrimejamento, coceira, pálpebras inchadas ou grudadas ao acordar e fotofobia (intolerância à luz) são alguns dos sintomas. 

Existem alguns tipos de conjuntivite, dentre eles a viral. Segundo a médica oftalmologista Carla Cordeiro Vita, o novo coronavírus tem a conjuntivite como uma de suas complicações, "assim como qualquer outra infecção viral de vias respiratórias, como a gripe comum, que potencialmente pode evoluir com conjuntivite como um dos sintomas". Saiba mais na entrevista que o iSaúde realizou com a médica.

iSaúde – O que é conjuntivite?

Carla Cordeiro Vita - Conjuntivite é a inflamação da conjuntiva, película mais externa da visão, que recobre a parte branca dos olhos.

iSaúde – Quais os cuidados para evitar a contaminação?

Carla Cordeiro Vita - Lavar muito bem as mãos, evitar compartilhar objetos de uso pessoal como toalhas de rosto, talheres e evitar passar a mão nos olhos. 

iSaúde – Por que, em alguns casos, a inflamação pode estar associada à infecção pelo coronavírus?

Carla Cordeiro Vita - A infecção pelo novo coronavírus tem como uma das manifestações a conjuntivite viral assim como qualquer outra infecção viral de vias respiratórias, como a gripe comum, que potencialmente pode evoluir com conjuntivite como um dos sintomas.

iSaúde – Os sintomas são os mesmos de uma conjuntivite que não foi ocasionada pela Covid-19?

Carla Cordeiro Vita - Sim, sintomas de conjuntivite viral, como olho vermelho, secreção, sensação de corpo estranho, dentre outros.

iSaúde – Esse sintoma pode afetar todas as pessoas infectadas pela Covid-19 ou há algum grupo mais suscetível?

Carla Cordeiro Vita - Não necessariamente quem está infectado pelo novo coronavírus desenvolverá conjuntivite. Apenas 18% desenvolvem o quadro ocular.

iSaúde – Quem tem algum problema de visão, está mais propenso a adquirir Covid-19 através da mucosa ocular?

Carla Cordeiro Vita - A depender do que a pessoa tenha na visão como doença ou alteração, ela pode estar com os olhos mais predispostos a manifestar os sintomas. 

iSaúde – Qual o grau de agravamento da conjuntivite nesses casos específicos?

Carla Cordeiro Vita - A princípio evolui como conjuntivite viral comum de curso autolimitado, necessitando apenas de uso de sintomáticos, como tratamento sem grandes gravidades, até onde se sabe. 

iSaúde – A secreção que é produzida durante a inflamação dos olhos pode transmitir o coronavírus?

Carla Cordeiro Vita - Sim! A Covid-19 pode sim ser transmitida por secreção dos olhos, quando o paciente está com o vírus ativo.

iSaúde – O que fazer caso apresente sintomas de conjuntivite levando em conta o cenário de pandemia?

Carla Cordeiro Vita - Todas as vezes procurar atendimento médico especializado. Só o exame não dá para distinguir essa conjuntivite de outras virais, porém, se o paciente também apresentar sintomas de Covi-19, deve fazer o teste indicado, o PCR. 

Compartilhe

Saiba Mais