podcast do isaúde brasil

Publicada em 16/01/2020 às 18h41. Atualizada em 16/01/2020 às 19h09

Como escolher sapatinho para crianças que estão começando a andar?

Você sabia que é muito importante para o bebê começar a andar descalço? Conheça esta pesquisa que revelou um calçado infantil que simula o andar sem sapatos.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

É muito comum que pais e mães comprem acessórios, roupas e sapatos em versões miniatura para seus bebês. A ideia é vestir o mesmo look em todos - o que pode ficar muito fofo e ajudar na produção de fotos. Porém, é importante tomar cuidado quando o assunto é sapatinho para crianças que estão começando a andar.

Se usados no dia a dia, alguns tipos de calçados podem interferir no desenvolvimento natural do pezinho. Isso porque muitos deles são como miniaturas de um sapato de adulto e não respeitam a anatomia do pé de um bebê. 

Pesquisa

Uma pesquisa realizada no Laboratório de Análise do Movimento da Universidade Federal de Minas Gerais comparou modelos de sapatos infantis e levantou algumas questões. O estudo mostra que alguns desses calçados alteravam de maneira profunda a forma de a criança andar se comparados com a marcha descalça.

Andar descalço incentiva o desenvolvimento da musculatura do pé. A marcha descalça é a marcha típica que temos, clássica da evolução humana, e serve como uma referência. 

Arco Plantar

O arco plantar (aquela curvatura na sola do pé) é o mais importante nesse desenvolvimento. Ele pode, de alguma forma, ter um impacto no desenvolvimento da marcha futura.  Vale lembrar que o caminhar descalço estimula o desenvolvimento do arco, principalmente em pisos irregulares.

O chão reto e liso também não proporciona o desenvolvimento da parte mais interna do pé. Em um piso irregular e dinâmico (como areia da praia), os pés são estimulados em sua totalidade, o que reflete na aquisição do equilíbrio dos bebês e, consequentemente, na pisada e caminhada de maneira mais correta.

O sapato ideal

O bebê precisa de mobilidade para estimular a musculatura dos pés. Nosso pé tem três pontos de apoio: o calcanhar e as bases do dedão e do mindinho. Quando os bebês andam com um sapatinho com o solado reto e duro, ou no chão reto, as partes internas do pé não são estimuladas, somente os pontos de apoio.

Apesar de os especialistas pedirem que a criança ande descalça, em alguns lugares isso não é possível e o bebê precisa de proteção. Dessa forma, é interessante utilizar o calçado que seja o mais apropriado possível para aqueles que ainda estão aprendendo a andar.

Alternativa tecnológica

Após quatro anos de estudos multidisciplinares, incluindo estudos biomiméticos, que analisam a natureza para desenvolver produtos,  uma empresa de calçados de Belo Horizonte, Minas Gerais, desenvolveu um calçado que traz os benefícios da caminhada descalça em solo natural para um bebê urbano. O resultado foi um produto biomimético que simula o comportamento dos pés andando descalço em um terreno natural, dentro de um calçado.

Batizado de Noeh, o sapatinho possui tecnologia própria que utiliza microesferas na palmilha, e foi o primeiro do mercado a usar esse tipo de tecnologia, reconhecido com prêmios nacionais e internacionais. O calçado atende crianças de até 3 anos.

Compartilhe

Saiba Mais