podcast do isaúde brasil

Publicada em 29/09/2019 às 00h00. Atualizada em 01/10/2019 às 08h41

Afinal o leite faz bem ou mal à saúde?

Será o leite um “vilão” ou “mocinho” na alimentação humana? Quais os tipos de leite mais consumidos? Em que fase do ciclo de vida precisamos mais do leite? E quais as propriedades nutricionais deste item alimentar?

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

O primeiro alimento no qual o ser humano tem contato geralmente é o leite materno. Transcorrida uma gestação e pós-parto saudáveis e sem complicações, segue o período recomendado de dois anos de aleitamento materno, sendo que seis meses são de aleitamento materno exclusivo e de livre demanda e, após este período, o consumo de leite continua sendo estimulado.

O leite materno é completo. Isso significa que até os seis meses o bebê não precisa necessariamente de nenhum outro alimento (chá, suco, água ou outro leite). Após os seis meses, a amamentação da criança poderá e deverá ser complementada com outros alimentos, por conta do progressivo aumento da demanda de energia e nutrientes, em virtude do aumento de suas taxas metabólicas, crescimento e desenvolvimento.

"O leite materno representa um protetor à criança nos primeiros estágios do ciclo de vida, evitando muitas doenças por conter uma série de fatores que protegem a saúde..."

 

O leite materno representa um protetor à criança nos primeiros estágios do ciclo de vida, evitando muitas doenças por conter uma série de fatores que protegem a saúde, como as imunoglobulinas. É um item alimentar estéril e está sempre pronto e na temperatura adequada para consumo.  Além disso, a ama-mentação favorece um contato mais íntimo entre a mãe e o bebê.

 TIPOS DE LEITE

Após crescer, o leite materno já não é o único, seguro e o preferido, existem muitas outras opções que podem preencher necessidades específicas de saúde do indivíduo. Existem diversos tipos de leite, consumidos pelo ser humano, entre eles:

Leite de Vaca

De origem bovina representa um dos mais bem aceitos e consumidos tipos de leite da sociedade. É um alimento que contém muitos nutrientes, como cálcio e fósforo e representa uma boa fonte protéica ao organismo. Sua aceitabilidade é ótima em meio aos seres humanos, contudo muitas vertentes acreditam que ele possa causar problemas de intolerância.

Leite Búfala 

A utilização do leite de búfala na preparação dos derivados laticínios tem sido amplamente pesquisada. Possui em sua composição elevados teores de gordura, sólidos totais, proteína, cálcio e fósforo. Pode ser encontrado como: leite líquido; leite em pó; leite matizado; queijos; manteiga; doce de leite e sorvete.

Leite de Soja

Entre os derivados de soja, o leite se distingue como o produto pronto para beber com elevado valor nutricional, que possui relativo preço baixo e já é fácil de ser obtido. Infelizmente o leite de soja ainda não é tão bem aceito pela população, sendo que suas propriedades sensoriais são as principais razões para a soja não ser ainda incorporada a alimentação dos brasileiros.

Segundo o Sebrae, o consumo per capita de leite no Brasil tem variado de 130 a 140 litros/habitante/ano e é considerado abaixo daquele recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), de 180 litros/habitante/ano. Entretanto, é importante salientar que houve um aumento significativo no consumo de produtos lácteos nos primeiros anos que se seguiram à implantação do Plano Real, devido ao aumento na renda das famílias, principalmente nas classes mais pobres.

Apesar de tudo, o leite deve ser ingerido diariamente, em porções moderadas, e independentemente do tipo, pois ele é rico em nutrientes e pode auxiliar a saúde humana, se consumido na medida correta. 

Compartilhe
Serviços Gratuitos
  • Ambulatório Docente-Assistencial da Bahiana - ADAB
    Tel.: (71) 3276 8200
    Av. D. João VI, 275, Brotas, Salvador, Bahia, CEP. 40.290-000
  • Núcleo de Estudos e Orientação Nutricional ao Atleta- NONA
    Universidade do Estado da Bahia - UNEB
    Tel.: (71) 3117-2492
    Rua Silveira Martins, 2555, Cabula. Salvador-BA. CEP: 41.150-000
  • Consultório Dietético
    Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia
    Tel.: (71) 3283-7714 / 7700
    Av. Araújo Pinho, nº32, Canela, Salvador, Bahia