podcast do isaúde brasil

Publicada em 14/10/2019 às 10h44. Atualizada em 14/10/2019 às 10h51

Conheça a metodologia de Emmi Pikler

Sentar, engatinhar, andar. A importância do movimento na primeira infância.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

Emmi Pikler foi uma pediatra húngara que estudou bebês de 0 aos 3 anos.  A metodologia Pikler se baseia em autonomia, motricidade livre, assistência necessária e o respeito às etapas do desenvolvimento.



Segundo o estudo, temos que deixar a criança se movimentar, experimentar o corpo de diversas formas, sem ficar forçando-a sentar, engatinhar ou andar. A liberdade da criança tem que ser permeada de estímulos adequados a faixa etária, estimulando que ela se movimente de forma autônoma.

Esse método auxilia muito o vínculo entre o cuidador e a mãe com o bebê. Toda vez que a criança é tocada e auxiliada esse vínculo é fortalecido.

" A liberdade da criança tem que ser permeada de estímulos adequados a faixa etária, estimulando que ela se movimente de forma autônoma."



A questão do brincar livre auxilia muito essa abordagem, pois a criança pode explorar e brincar no chão. Por privilegiar a autonomia, ela se sente mais segura e mais preparada nos aspectos motores. Tem mais agilidade para correr e para pular. Com isso, consegue se expressar melhor e consegue ter vínculos mais sadios e seguros. Do 0 aos 3 anos é um período importante, pois é a base que ajuda a formar aspectos de personalidade dela.

Em tempos de internet em que as crianças muitas vezes só ficam no tablet, essa metodologia dentro da escola possibilita o respeito às fases de desenvolvimento, a melhoria do vínculo e das habilidades cognitivas.

Compartilhe

Saiba Mais