podcast do isaúde brasil

Publicada em 02/07/2011 às 17h38. Atualizada em 04/07/2011 às 01h29

Procurando um novo emprego? Cuidados com a saúde podem fazer a diferença

Você destaca sua saúde como qualificação para a vida profissional? Atenção! Todos devemos fazer exames admissionais.

CONTEÚDO HOMOLOGADO Bahiana
Compartilhe

Ao buscar um novo emprego, a grande maioria das pessoas sempre coloca como primeira e grande preocupação, suas qualificações. Elaborar currículos, olhar as chances oferecidas no jornal e tentar estar sempre atualizado são iniciativas que fazem parte do dia a dia de qualquer candidato a uma vaga no mercado de trabalho. O que muitos esquecem e que deveriam, sim, ter como prioridade é a sua condição física, se está de fato saudável ou se precisa de maiores cuidados.

Com o objetivo de promover e preservar a saúde do trabalhador, o Ministério do Trabalho criou a Norma Regulamentar N.º 7 que obriga o empregador a implantar em sua empresa o Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional – PCMSO. Essa norma estabelece que, entre outras coisas, o trabalhador seja submetido a exames que podem ser adimissionais, de retorno ao trabalho, de mudança de função, periódicos e demissionais.

 O exame admissional tem o objetivo de identificar a aptidão do trabalhador, sob o ponto de vista da saúde, para determinada função que ele vai exercer. Nesse tipo de exame, podem ser identificadas predisposições a doenças e patologias preexistentes com possibilidades de serem desencadeadas ou agravadas pelo trabalho, na dependência dos riscos que o seu cotidiano possa oferecer.

O que muitos esquecem e que deveriam, sim, ter como prioridade é a sua condição física, se está de fato saudável ou se precisa de maiores cuidados.

Os exames periódicos são elementos indispensáveis no acompanhamento da saúde do trabalhador. É nesse momento que o médico do trabalho verifica se os riscos no ambiente laboral estão controlados, não afetando a saúde dos funcionários da empresa.

Também é a oportunidade de serem identificadas patologias e predisposições a doenças que podem impactar na saúde do empregado, adotando um caráter de prevenção. Como exemplo, citamos os programas de prevenção a doenças cardiovasculares que abordam uma das principais causas de morte no Brasil e no mundo.

No decorrer do ritmo do trabalho, também são realizados os exames de retorno ao trabalho que são aplicados quando o trabalhador retorna ao expediente após 30 dias ou mais de ausência e os exames de mudança de função, quando o trabalhador tem qualquer alteração de atividade, posto de trabalho ou de setor.

Todos esses exames são realizados em duas etapas, sendo a primeira de atendimento clínico, isto é,  realizado por um médico do trabalho e independe da função que o trabalhador vá exercer. Nos casos em que o empregado vá atuar em ambientes de risco, por exemplo, trabalhadores expostos a radiações ionizantes precisam realizar hemograma completo e contagem de plaquetas no admissional a cada seis meses. O mesmo vale para exames periódicos de audiometria para trabalhadores da construção civil que lidam com britadeiras.

Nos exames periódicos, podemos ver que as principais doenças ocupacionais que se manifestam são as LER/DORT, as perdas auditivas por ruído, os distúrbios mentais, as Pneumoconioses (doenças respiratórias), a asma e as dermatoses ocupacionais.

Nos exames periódicos, podemos ver que as principais doenças ocupacionais que se manifestam são as LER/DORT, as perdas auditivas por ruído, os distúrbios mentais, as Pneumoconioses (doenças respiratórias), a asma e as dermatoses ocupacionais.

Para evitá-las, o trabalhador deve participar dos treinamentos oferecidos pela empresa, seguir as recomendações e procedimentos dos setores de Segurança e Medicina do Trabalho e usar os Equipamentos de Uso Individual (EPIs) com regularidade.

Para as profissões que oferecem condições de pouco salubridade ou alto nível de estresse, é importante que o trabalhador cumpra essas normas de segurança e saúde, o que minimiza riscos advindos do ambiente laboral. No aspecto psicossocial, cultivar um bom relacionamento com os colegas de trabalho também tem um importante significado.

Mas, o mais importante, como tudo na vida, é estar prevenido, mantendo um estilo de vida saudável, que inclui atividade física regular e uma alimentação balanceada, períodos dedicados ao lazer, esportes e recreação são ingredientes imprescindíveis para a saúde física e mental do trabalhador.  Vale ressaltar sempre que é importante evitar alguns vícios como o cigarro e a bebida alcoólica.
E então? Essas condições também estão no seu currículo?

 

Compartilhe

Por que fazer exames periódicos?

Os exames periódicos são elementos indispensáveis no acompanhamento da saúde do trabalhador. É nesse momento que o médico do trabalho verifica se os riscos no ambiente laboral estão controlados, não afetando a saúde dos funcionários da empresa.

Serviços Gratuitos
  • Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador
    CESAT
    Tel: (71) 3336-0012/1627
    Rua Pedro Lessa, nº 123 - Canela, CEP: 40.110-050, Salvador - Bahia
  • Unidade de Saúde Multiprofissional
    Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
    Tel: (71) 3276 8200
    Av. Dom João VI, nº 275, Brotas, CEP: 40290-000, Salvador, Bahia